terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Sabe porque sua dieta não dá certo?



SABE PORQUE SUA DIETA NÃO DÁ CERTO???
A fórmula parece simples: consumir de maneira equilibrada e gastar também. Sim, emagrecer seria fácil, se não fossem tantas as tentações e muita informação errada que circula por aí. Mas não adianta culpar as dietas se você peca nos mínimos detalhes. Enumeramos 27 razões que levam seu regime para o buraco e acabam sabotando seus planos de um corpo mais magro e saudável.


1- você costuma se esquivar de compromissos sociais por que sabe que não dará conta de ficar longe das tentações. E se começar a se prevenir e não se cobrar tanto? Ao sair para um casamento, por exemplo, coma uma fruta antes ou mesmo uma salada. Não precisa se privar do passeio, apenas encha o estômago antes para evitar exageros durante a festa

2- depois de ultrapassada a barreira, como quando você passa 4 dias comendo direito chega a sexta-feira e você resolve se dar de presente: um ‘docinho’. Tudo bem, se fosse só isso, mas a maioria das pessoas depois de um deslize desses usa isso como argumento para cometer outros... Daí, bye, bye dieta mesmo

3- você não faz planejamento. Um estudo da Universidade de Minnesota descobriu que, independentemente do tipo de dieta, o que leva as mulheres ao sucesso é um muito bem pensado e estruturado plano alimentar, incluindo refeições completas, listas de compras e outras ferramentas específicas. Sem planejar, seu regime nunca vai dar certo

4- a maioria das pessoas tende a ser radical quando o assunto é restrição alimentar. Você não precisa ser tão rigorosa consigo, apenas é necessário ter bom senso e usar a cabeça para equilibrar o organismo. Se você ingeriu mais do que precisava, queime. Se não quer se exercitar, consuma menos

5- seu plano de dieta não é realista. Não adianta se enganar achando que vai ficar satisfeita, feliz e nutrida vivendo a base de sopa de legumes e barras de cereais para sempre. Pés no chão menina e bola para a frente! Se você não gosta de soja, substitua. Seja firme e você colherá resultados bons e duradouros

6- fato: você não consegue trocar o refrigerante pelo chá verde ou água. Por mais que seja diet ou light, o refrigerante promove aumento abdominal e desconforto porque é uma bebida muito gaseificada. Experimente trocar por apenas dez dias e verá uma diferença grande

7- você não faz uma lista organizada de compras nem olha a despensa antes de sair feito doida em busca de alimentos diet no supermercado. Resultado: você compra mais do que come e depois, quando acaba tendo que se desfazer de alimentos vencidos, inventa a desculpa que não consegue fazer dieta. Organize-se e faça valer a pena

8- apesar de saber que não é aconselhável, você insiste em pular refeições achando que passar fome é o caminho. Não. Pelo contrário, seu organismo vai começar a estocar gordura achando que não será mais alimentado e assim, você põe tudo a perder novamente

9- no trabalho, mesmo podendo evitar reuniões seguidas de almoço, você insiste em fazê-lo, daí não há tentação que resista mesmo. Até porque, você não pode controlar o que as outras pessoas comem na sua frente... Evite almoços ou jantares de negócios

10- quando você fica zangada ou ansiosa, logo pensa em comida. Experimente descarregar esses sentimentos em um esporte ou mesmo em uma outra atividade. Matricule-se em um curso de pintura ou de dança. Na segunda opção, você, além de descarregar a raiva, se exercita e de quebra, queima calorias

11- nada de acreditar em milagres. Uma dieta para dar certo deve, além de ser planejada, evitar mudanças radicais. Faça pequenos ajustes diariamente da maneira como se alimenta e da forma como pratica seus exercícios... Aos poucos, você chega lá

12- exercício e dieta sem orientação é um duplo erro. Segundo Melina Castro, médica nutróloga do Ganep Nutrição Humana, o resultado pode ser muito mais eficiente se houver um planejamento nutricional. “Conforme a escolha, comer antes do treino aumenta a disposição, o rendimento e pode, inclusive, acelerar a queima de gordura. O treino em jejum, ao contrário do que possa parecer, faz com que o indivíduo gaste menos gordura do que se tivesse comido alguma coisa antes”, diz Melina

13- a dieta da sua amiga não serve para você e ponto. A orientação nutricional varia conforme o indivíduo, sua rotina e a freqüência com que pratica atividade física. Procure um profissional para que ele trace um cardápio correto e que realmente foque em seus objetivos

14- você acredita em Papai Noel.... Sim, acha que uma dieta super restritiva vai fazer milagres e começa toda empolgada. Claro que, alguns dias depois, você está insuportável. Entenda: dietas pobres em gordura realmente reduzem calorias e emagrecem mas são difíceis de manter. Já um regime com teores moderados de gordura (30%) é mais fácil de seguir e mais duradouro

15- correr contra o tempo perdido. Não se engane achando que depois de passar meses no sedentarismo, de um dia para o outro você vai virar uma atleta. “O exagero na prática de atividades físicas pode ocasionar sérias lesões musculares e a banalização das cirurgias plásticas torna as mulheres escravas do bisturi. Se esses procedimentos não oferecessem nem riscos, nem cicatrizes, tudo bem, mas o problema é que em alguns casos elas podem provocar danos irreversíveis, que poderiam ser evitados com um pouco de esforço e paciência”, afirma Edson Takarabe, personal da Academia Lembu-Kan Sports

16- achar que fazer dieta é consumir tudo dietético é outro erro. Não há nada de errado em comer uma barra ou ingerir bebida dietética de vez em quando mas você deve estar atenta aos valores nutricionais e deve aprender a se alimentar de maneira saudável e balanceada

17- quando tem um descontentamento emocional procura descontar na comida, mesmo que só por alguns instantes. Tudo bem se tiver vontade de ingerir chocolate, por exemplo, mas controle-se. Deguste um pedaço pequeno ou bombom e nunca coma em desespero. Aprenda a separar emoção de alimentação

18- comer sem pensar. “As mulheres são mestras em comer sem pensar, tanto dentro quanto fora de casa”, afirma Susan Moores, porta-voz da Associação Dietética Americana. Provar guloseimas nos corredores de supermercados, por exemplo, é uma ótima forma de armazenar calorias indesejáveis

19- você não sabe dizer ‘não’. A maioria das mulheres sofre desse mal no convívio com familiares e até no meio profissional, então, com relação à comida, fazem o mesmo. Aprenda a comer somente quando está com fome e não porque o alimento se encontra ali na sua frente, pronto para ser degustado

20- televisão ligada. Esse é um dos grandes erros. Ao invés de perder tempo assistindo algo na TV dedique aquela meia hora a você e seu corpo. Se não tiver condições de fazer uma caminhada, alongue-se, por exemplo

21- não dormir bem. Dormir pouco ou mal é comprovadamente um hábito inimigo de seu emagrecimento. Quando estamos cansadas ficamos mais predispostas a comer em excesso e, pior, alimentos inadequados (balas, chocolate, açúcar, cafeína)

22- use a preocupação ao inverso: emagreça por sua saúde e não porque quer entrar naquele jeans poderoso da vitrine ou quer ter cintura de pilão. Quando você entender que está fazendo bem para seu corpo, ele vai responder de maneira melhor, com certeza

23- você acredita em Papai Noel e segue dietas da moda. Segundo Wilson Rondó Junior, médico ortomolecular, um dos grandes erros ao tentar emagrecer é seguir regimes radicais. “Aprenda a comer de acordo com suas necessidades e livre-se de uma vez por todas da escravidão das dietas de fome, que nem sempre funcionam: menos de 6% dos programas de emagrecimento são bem-sucedidos. Em média, uma pessoa que faz dieta ganha dez kilos ao final dela

24- sede e fome são sensações que você ainda não aprendeu a diferenciar. Muitas vezes é comum confundirmos a necessidade de nosso organismo. Quer fazer um teste? Sempre que estiver com fome, beba um copo de água e espere 15 minutos. Você pode descobrir que a fome passou

25- gorda assumida. Sim, você enfiou na cabeça que é gorda e vai permanecer assim, já que suas dietas nunca dão certo. Pode parar. Qualquer um pode mudar hábitos e viver de maneira mais saudável, basta ter força de vontade e persistência. Não vista a carapuça de ‘gorda’ porque assim você pode virar ‘obesa’, em poucos meses

26- você vive procurando desculpas: seja a festa do seu afilhado, o almoço de domingo ou o happy hour da empresa. A partir do momento em que se decidir realmente a se amar e cuidar do que come, você verá prazer em outras coisas e não usará compromissos sociais para adiar o início da dieta, afinal, quanto antes começar, mais cedo terá os resultados que tanto almeja

27- comer rápido é um péssimo hábito de quem procura uma vida saudável. Além de você não mastigar bem os alimentos, torna a atividade de se alimentar algo rude e mecânico. Nada disso. Coma devagar, assim seu estômago terá tempo para fazer a digestão e avisar o cérebro que está satisfeito

8 comentários:

  1. Muito bom post, Sandrinha! A verdade é que por mais que a gente ache que já sabe tudo sobre dietas, sempre é gratificante ler textos assim e descobrir que tem alguma dica na qual vc ainda não tinha pensado. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi Sandrinha, tudo bem?
    Quero dizer que você é uma inspiração pra mim!
    Adorei seu blog e sua história!
    Parabéns!
    Beijos, Marisa
    manabalanca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. sandra achei vc no face menina adoreiiiiiiiiiii tudoooooooooooooooooo
    nossa vc emagreceu muito e ainda por cima tudo em cima vc esta linda
    por favor passa no meu cantinho e me da umas dicas legais
    bjossssssss
    estou te seguindooooooooooooooo
    http://jackeemagrecendo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi querida???!!Conheci sua historia no face e vim de perto lhe parabenizar por esta consquista maravilhosa, quando vi sua foto falei para mim mesma, gente eu ainda tenho jeito, basta que eu queira.
    Obrigada por servir de motivação para mim.
    Te add no facebook, me aceita.rsrsrs
    Fica com Deus querida, posso contar com vc???!!!!
    Bjks

    ResponderExcluir